Projeto cripto do Facebook será um marco, diz RBC Capital Markets



Projeto cripto do Facebook será um marco, diz RBC Capital Markets 2

O banco global de investimentos RBC Capital Markets acredita que o aguardado projeto cripto do Facebook será um marco para a história da empresa, conforme noticiou a CNBC em 14 de junho.

Em uma nota para investidores, os analistas da RBC Capital Mark Mahaney e Zachary Schwartzman teriam dito que o tão esperado projeto de stablecoin do Facebook “pode provar-se uma das mais importantes iniciativas da história da empresa”.

De propriedade do Royal Bank of Canada (RBC), o RBC Capital previu que o projeto de criptomoeda da gigante das mídias sociais “liberará novos fluxos de engajamento e receita”.

De acordo com a matéria, o RBC Capital espera que o white paper do projeto seja lançado em 18 de junho, acompanhando o que foi dito por outras fontes no começo do mês. Em uma nota para os investidores, o banco de investimentos prometeu oferecer uma análise do documento assim que for lançado, para “ajudar investidores a analizar a criptoeconomia inerente ao token”.

Até hoje, o RBC Capital já havia previsto que o Facebook usaria sua iniciativa cripto para facilitar três setores dos seus negócios: aplicativos e jogos, pagamentos, e comércio. No começo do mês, a CNBC noticiou que o Facebook vai permitir que funcionários recebam parte de seu salário na criptomoeda interna.

Enquanto isso, o RBC Capital tem uma avaliação ótima para o Facebook, com meta de preço em US$ 250 por ação. No momento, as ações do Facebook estão em alta de 1,8%, negociadas a US$ 180,4, mais de 35% maior que ano passado, segundo a CNBC.

Depois de ter sido noticiada primeiro pela Bloomberg no fim de 2018, a esperada stablecoin do Facebook foi assunto da comunidade cripto, recebendo crescente cobertura da mídia especializada desde então.

Mais cedo hoje, o Financial Times noticiou que o Facebook contratou o diretor de relações públicas do Standard Chartered Bank Ed Bowles para seu projeto de criptomoeda. Ontem, o Wall Street Journal publicou um artigo revelando que o projeto cripto do Facebook era apoiado por uma dúzia de empresas, incluindo Visa, Mastercard, PayPal e Uber.



Comments (No)

Leave a Reply