Locais teriam lançado cabos através de viveiros de peixes para roubar energia de petróleo para minerar BTC



Locais teriam lançado cabos através de viveiros de peixes para roubar energia de petróleo para minerar BTC 2

A polícia da China supostamente recolheu evidências de pessoas que colocaram cabos através de tanques de peixes para roubar energia para abastecer sua atividade de mineração de Bitcoin (BTC). A notícia foi divulgada pelo tablóide chinês The Global Times em 13 de junho.

O Global Times é publicado sob os auspícios do jornal estatal Diário do Povo.

A reportagem descreve que a Delegacia de Green Grassland, da Secretaria de Segurança Pública do Distrito de Qiqihar foi alertada sobre o suposto roubo de energia após receber uma ligação do chefe da produção de petróleo em Daqing Oil Field – o maior campo petrolífero da China, localizado na província de Heilongjiang.

A fim de investigar a alegação, a polícia supostamente realizou uma inspeção aérea usando drones em uma área de dois quilômetros e reuniu evidências suficientes para construir um caso criminal.

O Global Times não dá maiores detalhes sobre os suspeitos envolvidos, nem sobre a envergadura do suposto roubo de eletricidade.

Em outubro de 2018, um chinês foi condenado a três anos e meio de prisão por roubar energia de uma estação de trem para abastecer suas operações de mineração de Bitcoin.

Em Taiwan, em dezembro do ano passado, um homem foi preso após ser acusado de roubo de eletricidade para minerar Bitcoin e Ether (ETH), no valor de mais de 100 milhões de yuans (US$ 14,5 milhões).

Em fevereiro, um grupo de suspeitos foi presos na cidade alemã de Klingenthal, na Saxônia, após ser acusado de roubar mais de US$ 3 milhões em eletricidade para operar uma fazenda de mineração de criptomoeda.

 

 

 



Comments (No)

Leave a Reply