Então depois de tudo a China decide lançar uma criptomoeda?

Então depois de tudo a China decide lançar uma criptomoeda? 1

Controvérsia é a palavra-chave

Quando se trata de China e criptomoeda, você pode ser perdoado por dizer que não tem ideia do que o governo chinês pensa sobre ativos digitais. Em um minuto, eles parecem querer proibir criptomoedas e, no dia seguinte, querem criar hubs gigantescos voltados para tornar as criptomoedas e a tecnologia blockchain mais acessíveis. Não tem muito tempo, a China fez grandes esforços para banir totalmente as criptomoedas. As últimas notícias da China, no entanto, agora sugerem que as autoridades chinesas estão empenhadas em produzir uma cripto própria.

De acordo com jornal Aljazeera:

The People’s Bank of China está perto de emitir sua própria criptomoeda, de acordo com um alto funcionário. Os pesquisadores do banco têm trabalhado intensamente desde o ano passado para desenvolver sistemas, e a criptomoeda está perto de ser concluida”, disse Mu Changchun, vice-diretor do departamento de pagamentos do BPC, em um evento realizado pelo Fórum China Finance 40 no fim de semana em Yichun, Heilongjiang. Ele não deu detalhes sobre a data.

O importante deste anúncio é que o The People’s Bank da China afirma que isso surgiu como resultado de 5 anos de intensa pesquisa no setor. Temos alguma ideia sobre o que essa criptomoeda poderá fazer quando for lançada, porque o BPC registrou uma patente para uma criptomoeda que foi feita para funcionar com um aplicativo de troca nativo, projetado para trocar o token com Yuan chinês. Assim, podemos pelo menos adivinhar que esse é um símbolo que o banco deseja que as pessoas possam usar como moeda real no país.

Será mesmo?

No entanto, muitos especialistas estão céticos, sugerindo que tudo isso poderia ser simplesmente uma resposta aos recentes comunicados da Libra do Facebook, embora não se tenha certeza se o The People’s Bank of China realmente vê o Facebook como um rival. A teoria é que isso tudo poderia ser uma tentativa de tentar desestabilizar os governos ocidentais ainda mais do que os recentes anúncios de Libra. Segundo Aljazeera:

“É sem dúvida que, com o anúncio da Libra, governos, reguladores e bancos centrais em todo o mundo tiveram que agilizar seus planos e abordagens para ativos digitais”, disse Dave Chapman, diretor executivo da BC Technology Group Ltd. “Existe a possibilidade de que moedas emitidas por órgãos não governamentais poderiam prejudicar drasticamente as finanças e os pagamentos”, completou Chapman.

Embora grande parte disso seja especulação, Chapman faz uma boa observação aqui. É possível que os governos tenham se concentrado nas empresas de criptomoedas por muito tempo e negligenciado o fato de que países inteiros poderiam estar ameaçando o status quo com suas próprias criptomoedas também?

Imagem de: Julien Tromeur por Pixabay

Fonte: CryptoDaily


Foto de Marcelo Roncate



Foto de Marcelo Roncate


O autor: Marcelo Roncate

Estudante de História e trader desde 2017. Aficionado por tecnologia e entusiasta das criptomoedas, viu no WeBitcoin a oportunidade de unir duas paixões.








What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

Empresa de Salvador cria programa para auxiliar pessoas a declararem operações com criptomoedas no Brasil 20

Empresa de Salvador cria programa para auxiliar pessoas a declararem operações com criptomoedas no Brasil

Câmara discute riscos de adoção de criptomoedas no Brasil 21

Câmara discute riscos de adoção de criptomoedas no Brasil