Agora a BitPay pede sua identificação com foto para compras em Bitcoin acima de US$ 3.000

Agora a BitPay pede sua identificação com foto para compras em Bitcoin acima de US$ 3.000 1

Agora a BitPay pede sua identificação com foto para compras em Bitcoin acima de US$ 3.000 2

O processador de pagamento cripto BitPay está introduzindo novas medidas de verificação de identidade para certos pagamentos de alto valor, reembolsos e pagamentos.

De acordo com um anúncio de 1º de agosto da empresa sediada nos Estados Unidos, as novas medidas não se aplicam especificamente aos pagamentos de pessoa para pessoa usando os aplicativos BitPay e Copay.

Documento de identificação com foto e número do seguro social

O BitPay está lançando seu novo fluxo de verificação de identidade como parte de um novo Painel BitPay, que funcionará como uma página inicial personalizada que fornece acesso ao histórico de transações dos usuários e vários recursos de pagamento.

Com o lançamento do BitPay ID, os usuários precisarão passar por um processo de verificação único que exige a inserção de dados, como o número do seguro social ou do passaporte, além de um documento com foto.

O requisito se aplica nos casos em que os usuários tentam fazer um pagamento de alto valor, de US$ 3.000 ou mais para um trader BitPay, solicitar um reembolso de US$ 1.000 ou mais, receber pagamentos do BitPay ou obter um produto pré-pago BitPay. O anúncio observa que:

“Esse processo nos ajuda a melhorar nossos esforços de verificação de identidade e reduzir o risco de pagamento para os comerciantes do BitPay. Também é um requisito para podermos oferecer aos usuários verificados serviços futuros, como pagamentos em Bitcoin, ou uma integração mais rápida para pessoas que desejam obter produtos pré-pagos da BitPay.”

De acordo com o BitPay, os limites para pagamentos e requisitos de identidade já estão ativos desde 5 de agosto.

Armazenamento centralizado de dados

Embora o BitPay forneça aos usuários um link para sua política de privacidade, as novas medidas foram recebidas com certo ceticismo, dada a resistência que muitos na comunidade da criptomoeda têm em ver seus dados pessoais armazenados em repositórios centralizados.

O desenvolvedor do BTCPay Server de código aberto – que foi lançado como uma alternativa ao BitPay e prometeu inutilmente tornar este último obsoleto – “tuitou” que ele estava “chocado! CHOCADO!” com a introdução das novas medidas, à qual um comentarista respondeu:

“Imagine ser o Bitpay. Seus investidores abandonaram você, os bitcoiners o desprezam, agora o bcasher faz o memso, enquanto os reguladores te coloca pressão todos os dias. Estou quase me sentindo triste por eles … Quase.”

Muitos ainda se lembram do hack de 2015 na, com perdas de US$ 1,8 milhão na época, somando 5.000 Bitcoins (BTC).

No início deste mês, surgiram notícias de um possível hack envolvendo o roubo de um grande volume de dados de Conheça seu Cliente (KYC) da exchange cripto Binance (mais de 10.000 fotos pessoais).






What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

2 indicadores de Bitcoin que você deveria prestar atenção 21

2 indicadores de Bitcoin que você deveria prestar atenção

Stellar anuncia parceria para pagamentos na América Latina e novas contratações 22

Stellar anuncia parceria para pagamentos na América Latina e novas contratações